jun 29

Escolhi filmes dinamarquês, finlandês, islandês e norueguês para curtir neste fim de semana. Divirta-se!

 

Comédia Dramática 
Casamento da Noite Branca (Brúoguminn), Islândia, 2008. Dirigido por Baltasar Kormákur, com Margrét Vilhjálms e Hilmir Snaer Guonasur. Jon vai se casar com uma aluna que tem metade de sua idade, cuja mãe não o suporta. Ele não consegue se concentrar na cerimônia porque seus pensamentos estão nos negócios que vão mal e em sua primeira esposa, que insistiu em comparecer.

Drama Finlandês 
Terra Congelada (Paha Maa), Finlândia, 2005. Dirigido por Aku Louhimies, com Mikko Leppilampi e Pamela Tola. Tuomas é um jovem hacker que quer fazer alguma diferença no mundo. Por sua vez, Niko, seu melhor amigo, quer apenas levar uma vida junkie regada a drogas e álcool. Quando Nikko falsifica uma nota de 500 Euros, as vidas dos dois e da namorada de Tuomas, Elina, são enredadas numa cadeia de eventos que liga várias histórias e mostra um painel da Finlândia atual.

Drama Norueguês 
Comida Fria (Lonsj), Noruega, 2008. Dirigido por Eva Sorhaug, com Aksen Hennie e Pia Tjelta. A trama consta de cinco histórias de pessoas que vivem na mesma vizinhança, em Oslo. Christer está a caminho do trabalho quando uma série de eventos desafortunados muda a vida de diversas pessoas que não teriam qualquer relação umas com as outras.

Drama Histórico
Expurgo (Puhdistus), Finlândia, 2012. Dirigido por Antti Jokinen, com Laura Birn e Amanda Pilke. Aliide sofre os horrores da era de Stalin. Zara acaba de escapar das garras da máfia russa que a mantinha como escrava sexual. Juntas, elas tentam se salvar em um território de engano, desespero e medo.

 

Guerra 
A Guerra de Inverno (Talvisota), Finlândia, 1989. Dirigido por Pekka Parikka, com Esko Kovero e Taneli Makela. A Rússia atacou a Finlândia no final de novembro de 1939. A trama conta a história de um pelotão finlandês de reservistas do município de Kauhava, província de Pohjanmaa/Osttrobottnia, que deixou suas casas e foi para a guerra. Foca nos irmãos Martti e Paavo Hakala.

Policial 
Entre o Bem e o Mal (Adams e Aebler), Dinamarca/Alemanha, 2005. Dirigido por Anders Thomas Jensen, com Ulrich Thomsen e Mads Mikkelsen. Adam, um neonazista, sai da prisão e vai prestar sua pena em serviços comunitários sob supervisão do padre Ivan. Ele recebe a tarefa de fazer uma torta com as frutas da famosa macieira em frente à igreja, mas a árvore e as maçãs acabam atacadas por pragas  e raios.

Romance 
De Coração Aberto (À Coeur Ouvert), França/Argentina, 2012. Dirigido por Marion Laine, com Juliette Binoche e Édgar Ramírez. Mila e Javier formam um casal na faixa dos quarenta anos de idade. Mas não um casal qualquer: eles são jovens, descolados, transam o tempo todo, riem, sorriem, jogam pingue-pongue na sala de casa, fazem piadas, visitam lugares proibidos de madrugada, fazem a festa com os amigos noite adentro. Eles usam roupas largas, cabelos despenteados, têm tatuagens pelo corpo, bebem quando querem. Enfim, um casal alegre e inconsequente, que faz horas de plantão no hospital – eles são cirurgiões cardíacos – mas parece não conhecer o cansaço. Só que, Javier é alcoólatra e Milla está grávida.

Suspense/Terror 
Babycall, Noruega/Alemanha/Suécia. Dirigido por Pàl Sletaune, com Noomi Rapace e Henrik Rafaelsen. Depois de se separar do marido violento, Anna se muda com o filho para uma nova casa. Preocupada, coloca uma babá eletrônica no quarto da criança, mas começa a ouvir sons terríveis que parecem  estar vindo de outro apartamento.

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , , ,


Deixe um comentário