jul 26

A estrela Jessica Chastain está na capa e no recheio da revista canadense Elle, edição de setembro. A bela falou sobre o fato da mulher reivindicar o seu lugar no mundo: “Todo mundo tem que aprender a viver em um ambiente que não tornou mais fácil para as mulheres reivindicar seu lugar, então acho que é responsabilidade das mulheres dar um passo à frente. Meu objetivo é que uma garota assistirá ‘Perdido em Marte’ e ‘Interestelar’ e pensará: ‘Quero ser uma astronauta ou uma física quântica’. É importante mostrar mulheres poderosas que são boas em seus empregos, porque as meninas precisam desses exemplos”. E o que disse – na entrevista coletiva do júri oficial, no final do Festival de Cannes 2017 – sobre a seleção dos filmes de Cannes em relação às mulheres: “Sempre fui alguém que fala o que pensa, mas o que amo muito Cannes. Conversei com o diretor do festival, de antemão, sobre o que assistia nesses filmes e como isso me fazia sentir como o mundo vê as mulheres. Ele realmente disse: ‘Você deveria dizer alguma coisa’. Nunca foi sobre estar contra Cannes ou esfaquear alguém pelas costas… Mas a minha experiência com a imprensa é que, às vezes, as coisas são retiradas do contexto, então, em uma situação como essa, onde estou diante de todos esses jornalistas, falando o que acredito no meu coração, me sinto muito vulnerável. Em muitos casos, os meios de comunicação gostam de encontrar algo negativo ou transformá-lo em uma briga, especialmente quando afeta as mulheres, um contra o outro, e eu estava ciente disso enquanto falava”.

Fonte: JustJared

Escrito por marcia
Tags: , ,


Deixe um comentário