mar 01

Entre os filmes que escolhi para você relaxar no Carnaval há vários que concorreram ao Oscar, por isso, muito bons. Divirta-se!

 

Biografia 
No Portal da Eternidade (At Eternity’s Gate), França, 2018. Dirigido por Julian Schnabel, com Willem Dafoe e Oscar Isaac. 1888. Após sofrer com o ostracismo e a rejeição de suas pinturas em galerias de arte, Vincent Van Gogh decide ouvir o conselho de seu mentor, Paul Gauguin, e se mudar para Arles, no sul da França. Lá, luta contra os avanços da loucura, da depressão e as pressões sociais.

Comédia 
Estou de Volta (Sono Tornato), Itália, 2018. Dirigido por Luca Miniero, com Massimo Popolizio e Stefania Rocca. Este é um remake do filme alemão “Ele está de Volta”, esta versão mostra o retorno ao nosso tempo de Benito Mussolini em pessoa, provocando um clima de discussão e reflexão. A trama se move entre a hilaridade que evoca o personagem visto como uma paródia de si mesmo e a ansiedade que surge diante de sua habilidade para obter seguidores.

Comédia Romântica 
De Carona Para o Amor (Tout le Monde Debout), França, 2018. Dirigido por Franck Dubosc, com Franck Dubosc e Alexandra Lamy. Jocelyn, bem-sucedido homem de negócios, é um sedutor e mentiroso experiente. Apesar de cansado de si mesmo, acaba seduzindo uma jovem bonita, fingindo ser deficiente, até o dia em que ela lhe apresenta sua irmã, que é realmente deficiente.

Drama 
A Esposa (The Wife), Suécia/EUA, 2018. Dirigido por Björn Runge, com Glenn Close e Jonathan Pryce. Joan Castleman é casada com um homem controlador e que não sabe como cuidar de si mesmo ou de outra pessoa. Ele é um escritor e está prestes a receber um Prêmio Nobel de Literatura, em Estocolmo. Joan, que passou 40 anos ignorando seus talentos literários para valorizar a carreira do marido, decide abandoná-lo.

Drama Biográfico 
Vice, EUA, 2018. Dirigido por Adam McKay, com Christian Bale, Amy Adams e Sam Rockwell. A trama acompanha a ascensão de Dick Cheney, um político republicano do estado do Nebraska, casado com a escritora Lynne Cheney, ao se tornar o homem mais poderoso do mundo. Vice do presidente George W. Bush, ele remodelou os Estados Unidos e o mundo, gerando mudanças que permanecem até os dias atuais.

Drama Romântico 
Guerra Fria (Zimna Wojna), Polônia/Reino Unido/França, 2018. Dirigido por Pawel Pawlikowski, com Joanna Kulig e Tomasz Kot. Durante a Guerra Fria entre a Polônia stalinista e a Paris boêmia dos anos 1950, um músico amante da liberdade e uma jovem cantora com histórias e temperamentos completamente diferentes vivem um amor impossível.

Romance 
Se a Rua Beale Falasse (If Beale Street Could Talk), EUA, 2018. Dirigido por Barry Jenkins, com Stephan James Kiki Layne e Regina King. A trama acompanha Tish, uma grávida do Harlem, bairro de Nova York habitado por negros na década de 1960, que luta para livrar seu marido, Alonzo ‘Fonny’ Hunt, de uma acusação criminal injusta e de subtextos racistas a tempo de tê-lo em casa para o nascimento de seu bebê.

Suspense 
Oportunistas (The Place), Itália, 2017. Dirigida por Paolo Genovese, com Valerio Mastandrea e Marco Giallini. Um grupo de pessoas encontram um homem que diz ser capaz de realizar o seu mais profundos desejos, mas para isso eles precisam realizar uma tarefa ordenada por ele. Levados pela vontade de tomar controle dos seus destinos, eles têm seus princípios testados ao extremo.

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , , ,

jan 12

Este drama é uma co-produção Suécia/EUA, baseado no livro homônimo da escritora americana Meg Wolitzer – sobre uma esposa que acompanha seu marido numa viagem, onde será premiado, e lá essa mulher reavalia sua importância na vida desse escritor e em suas obras -, tem ótima atuação da protagonista, o que lhe valeu o Globo de Ouro 2019 de melhor atriz – drama, e um bom roteiro. A direção é de Björn Runge (Happy End), com Glenn Close, Jonathan Pryce, Christian Slater, Max Irons, Harry Lloyd, Annie Starke e Elizabeth McGovern.

Joan Castleman é casada com um homem controlador e que não sabe como cuidar de si mesmo ou de outra pessoa. Ele é um escritor e está prestes a receber um Prêmio Nobel de Literatura, na Suécia. Joan, que passou 40 anos ignorando seus talentos literários, para valorizar a carreira do marido, decide abandoná-lo.

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , , , ,