jul 05

Esta comédia nacional, uma adaptação do livro homônimo de quadrinhos da cartunista argentina Maitena Burundarena, que retrata quatro mulheres e seus dramas, é divertida, tem um ritmo frenético, boas atuações das protagonistas e um roteiro regular, que enaltece o feminismo, mas que podia ser mais interessante e criativo como o livro. A direção é de Luis Pinheiro (estreante), com Deborah Secco, Alessandra Negrini, Maria Casadevall, Monica Iozzi, Daniel Boaventura, Sérgio Guizé e Patricya Travassos.

Leandra está na crise dos 30: quer casar e ter filhos, mas não tem namorado. Sua irmã, Sônia, é casada e tem dois filhos, mas tudo o que quer é uma noite de curtição com sua melhor amiga, Marinati – uma advogada workaholic que foi se apaixonar justo quando sua carreira está deslanchando. Marinati é chefe de Keka, que está ansiosa com a viagem que programou para salvar seu casamento.

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , , , ,

jun 06

Autor: Maitena (Burundarena, Ines)
Editora: Rocco
Páginas: 80
1a Edição: 2003
Assunto: HQs

Sinopse: 
O primeiro livro da série ‘Mulheres Alteradas’ traz os trabalhos publicados na Argentina em 1993 e 1994 da cartunista e chargista Maitena. O alvo principal da chargista são as mulheres de 15 a 80 anos. Mas os maridos, filhos, namorados, amantes, chefes e todos os homens que têm mulheres em suas vidas certamente vão se deliciar com as alteradas de Maitena. Afinal, como diz ela, as mulheres são mesmo muito parecidas em todo o mundo.

Fonte: Livraria Cultura
Importante: A adaptação para o cinema será lançada em 2018 e dirigida por Luis Pinheiro, com Deborah Secco, Alessandra Negrini, Monica Iozzi e Maria Casadevall nos papéis principais.

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , ,

set 05

Entrando Numa RoubadaEsta ação/comédia/drama faz referências a filmes de ação, tem uma boa trilha sonora, bom elenco, é divertida, mas o roteiro é fraco. A direção é de André Moraes (estreante), com Deborah Secco, Julio Andrade, Lúcio Mauro Filho, Bruno Torres, Tadeu Mello, Tonico Pereira, Marcos Veras, Ana Carolina Machado e João Guilherme Ávila.

Vítor ganha um concurso de roteiros e como prêmio terá R$100 mil para a produçào de seu filme. Com isso, ele procura seus amigos e fracassados colegas de cinema para fazerem um road movie de muita ação, com assaltos a postos de combustível, tiros, perseguições e vingança.

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , , , , ,

maio 07

Esta comédia nacional – baseada no filme “Death of a Man in the Balkans” (2012) – é divertida, tem um estilo teatral, bom elenco e um roteiro interessante. A direção é de Daniel Filho (Se Eu Fosse Você), com Susana Vieira, Lázaro Ramos, Otávio Augusto, Bruce Gomlevsky, Marcos Caruso, Roberta Rodrigues, Deborah Secco, Thiago Martins, Lúcio Mauro Filho, Juliano Cazarré e Thiago Rodrigues.

A trama é sobre a exposição das pessoas em redes sociais e em reality shows, e mostra que a reação das pessoas muda à medida que estão sendo filmadas. A ação começa com o suicídio de um roteirista, morador de um prédio, e a reação dos vizinhos, que entram no apartamento com a ajuda do porteiro e não percebem que há uma câmera.

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , , , , , , , ,

nov 27

Este drama é baseado no conto “Frontal com Fanta”, do gaúcho Jorge Furtado, tem um bom roteiro, uma boa atuação da protagonista e um bom elenco. A direção é de Carolina Jabour (estreante), com Deborah Secco, João Pedro Zappa, Cássia Kis Magro, Gisele Fróes, Fernanda Montenegro, Felipe Camargo e Fabrício Belsoff.

João é um adolescente com muitos problemas de comportamento, o que faz com que sua família o interne em uma clínica psiquiátrica. Lá, ele conhece Judite e logo se apaixona por ela. Mas ela não tem muito tempo de vida e os dois sabem disso. João e Judite vivem um intenso romance dentro da clínica. Ao encontrar o amor em Judite, João passará a encarar a vida de outra forma, ao mesmo tempo que dará um novo sentido para a vida de Judite.

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , , , , ,

jan 10

Esta comédia dramática é baseada no diário da atriz/escritora e filha do cineasta Domingos Oliveira, Maria Mariana, que originou numa peça, num livro e na série televisiva homônima de vinte anos atrás. O roteiro é interessante, mas sem ir fundo nas questões, agora é atualizado com as redes sociais e as atrizes da série de TV fazem uma ponta. A direção é de Daniel Filho (Se Eu Fosse Você 1 e 2), com Sophia Abrahão, Bella Camero, Malu Rodrigues, Clara Tiezzi, Cássio Gabus Mendes, Olivia Torres, Tammy di Calafiori, Bruno Jablonski, João Fernandes e Deborah Secco.

A trama acompanha os ritos de passagem vividos pelas irmãs Tina, Bianca, Alice e Karina. Com o aviso do pai de que vão ter que se mudar do apartamento onde vivem, na Barra da Tijuca, por causa do aumento excessivo do aluguel, as meninas prometem economizar mais dinheiro e ajudar nas tarefas domésticas para tentar reverter a decisão. Enquanto lidam com isso, cada uma vive um rito de passagem típico da idade: o primeiro beijo, a primeira relação sexual, o primeiro emprego, o primeiro rompimento…

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , , , , , , , , ,

out 16

Aconteceu, na noite de segunda-feira (15/10), a cerimônia de premiação do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro, no Teatro Municipal, no Rio de Janeiro. Confira os vencedores:

MELHOR LONGA-METRAGEM DE FICÇÃO
O Palhaço
MELHOR DIRETOR
Selton Mello, por “O Palhaço”
MELHOR ATRIZ
Deborah Secco, por “Bruna Surfistinha”
MELHOR ATOR
Selton Mello, por “O Palhaço”
MELHOR ATRIZ COADJUVANTE
Drica Moraes, por “Bruna Surfistinha”
MELHOR ATOR COADJUVANTE
Paulo José, por “O Palhaço”
MELHOR ROTEIRO ORIGINAL
Marcelo Vindicatto  e Selton Mello, por “O Palhaço”
MELHOR ROTEIRO ADAPTADO
Antonia Pellegrino, Homero Olivetto e José Carvalho, por “Bruna Surfistinha”
MELHOR FIGURINO
Kika Lopes, por “O Palhaço”
MELHOR MAQUIAGEM
Marlene MouraRubens Libório, por “O Palhaço”
MELHOR DIREÇÃO DE ARTE
Claudio Amaral Peixoto, por “O Palhaço”
MELHOR LONGA-METRAGEM DOCUMENTÁRIO
Lixo Estraordinário, de João Jardim, Karen Harley e Lucy Walker
MELHOR LONGA-METRAGEM INFANTIL
Uma Professora Muito Maluquinha, de André Alves Pinto e Cesar Rodrigues
MELHOR TRILHA SONORA ORIGINAL
Plínio Profeta, por “O Profeta”
MELHOR TRILHA SONORA
Vladimir Carvalho, por “Rock Brasília”
MELHOR SOM
Jorge Saldanha, Miriam Biderman, Ricardo Reis Rodrigo Noronha, por “O Homem do Futuro”
MELHOR LONGA-METRAGEM ESTRANGEIRO
Meia-Noite em Paris, de Woody Allen
MELHOR FOTOGRAFIA
Adrian Teijido, por “O Palhaço”
MELHOR MONTAGEM DE FICÇÃO
Marilia Moraes Selton Mello, por “O Palhaço”
MELHOR MONTAGEM DOCUMENTÁRIO
Pedro Kos, por “Lixo Estraordinário”
MELHOR EFEITO VISUAL
Claudio Peralta, por “O Homem do Futuro”
MELHOR CURTA-METRAGEM DE FICÇÃO
Pra Eu Dormir Tranquilo, de Juliana Rojas
MELHOR CURTA-METRAGEM DOCUMENTÁRIO
A Verdadeira História da Bailarina de Vermelho, de Alessandra Colassanti e Samir Abujamra
MELHOR CURTA-METRAGEM ANIMAÇÃO
O Céu no Andar de Baixo, de Leonardo Cata Preta
VOTO POPULAR – MELHOR LONGA-METRAGEM DE FICÇÃO
O Palhaço
VOTO POPULAR – MELHOR LONGA-METRAGEM DOCUMENTÁRIO
Quebrando o Tabu
VOTO POPULAR – LONGA-METRAGEM ESTRANGEIRO
Rio
MENÇÃO HONROSA LONGA-METRAGEM DE ANIMAÇÃO
Brasil Animado 3D, de Mariana Caltabiano

Fonte: globo.com

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

set 13

Aconteceu, na noite de segunda-feira (12/9), a cerimônia de premiação do 6º Prêmio Contigo do Cinema Nacional, no Teatro Tom Jobim, no bairro Jardim Botânico, Rio de Janeiro. Confira os vencedores:

Melhor Filme
JÚRI ESPECIALIZADO: Tropa de Elite 2
JÚRI POPULAR: Bruna Surfistinha
Melhor Atriz
JÚRI ESPECIALIZADO E JÚRI POPULAR:
Déborah Secco
Melhor Ator
JÚRI ESPECIALIZADO: Caio Blat, por “Bróder”
JÚRI POPULAR: Wagner Moura, por “Tropa de Elite 2”
Melhor Atriz coadjuvante
JÚRI ESPECIALIZADO: Cássia Kiss Magro, por “Bróder”
JÚRI POPULAR: Tainá Muller, por “As Mães de Chico Xavier”
Melhor Ator Coadjuvante
JÚRI ESPECIALIZADO: Irandhir Santos, por “Tropa de Elite 2”
JÚRI POPULAR: Matheus Nachtergale, por “O Bem Amado”
Melhor Diretor
José Padilha, de “Tropa de Elite 2”
Melhor Roteiro
José Padilha e Bráulio Montovani, por “Tropa de Elite 2”
Melhor Fotografia
Lula Carvalho, por “Tropa de Elite 2”
Melhor Figurino
Claudia Kopke, por “O Bem Amado”
Melhor Trilha Sonora
Guto Graça Mello e MV Bill, por “5X Favela, Agora Por Nós Mesmos”
Melhor Documentário
Dzi Croquettes
Melhor Diretor de Documentário
Rodrigo Siqueira, de “Terra Deu, Terra Come”
Prêmio MGM My Favorite
José Wilker

Fonte: uol.com

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

fev 25

Este drama é baseado no livro “O Doce Veneno do Escorpião – Diário de Uma Garota de Programa”, de Raquel Pacheco e Jorge Tarquini. A direção é de Marcus Baldini (estreante), com Deborah Secco, Drica Moraes, Cássio Gabus Mendes, Danielle Winits, Fabíula Nascimento, Cristina Lago e Guta Ruiz.

Raquel é uma jovem da classe média paulistana que um dia sai de casa e toma uma decisão surpreendente: virar garota de programa. Em pouco tempo, Raquel se transforma em Bruna Surfistinha e passa a ser uma celebridade nacional, contando sua rotina em blog na internet.

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , , , , ,