set 03

O Ministério da Cultura divulgou ontem, sábado (2/9), 23 filmes que estão habilitados a concorrer à vaga de representante do país na categoria melhor filme estrangeiro, no Oscar 2018. Confira quais são:

.A Família Dionti, de Alan Minas
.A Glória e a Graça, de Fávio Ramos Tambellini
.Bingo – O Rei das Manhãs, de Daniel Rezende
.Café – Um Dedo de Prosa, de Maurício Squarisi
.Cidades Fantasmas, de Tyrell Spencer
.Como Nossos Pais, de Laís Bodanzky
.Corpo Elétrico, de Marcelo Caetano
.Divinas Divas, de Leandra Leal
.Elis, de Hugo Prata
.Era o Hotel Cambridge, de Eliane Caffé
.Fala Comigo, de Felipe Sholl
.Gabriel e a Montanha, de Fellipe Barbosa
.História Antes da História, de Wilson Lazaretti
.Joaquim, de Marcelo Gomes
.João, o Maestro, de Mauro Lima
.La Vingança, de Fernando Fraíha e Jiddu Pinheiro
.Malasartes e o Duelo com a Morte, de Paulo Morelli
.O Filme da Minha Vida, de Selton Mello
.Polícia Federal – A Lei é Para Todos, de Marcelo Antunez
.Por Trás do Céu, de Caio Sóh
.Quem é Primavera das Neves, de Ana Luiza Azevedo e Jorge Furtado
.Real – O Plano Por Trás da História, de Rodrigo Bittencourt
.Vazante, de Fernando Fraiha e Jiddu Pinheiro

Fonte: Folha.com

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

nov 24

elisEsta biografia/drama nacional tem bom elenco, atuações medianas, boa trilha sonora e um roteiro regular. A direção é de Hugo Prata (estreante), com Andreia Horta, Ícaro Silva, Caco Ciocler, Marisa Orth, Gustavo Machado, Julio Andrade e Lúcio Mauro Filho.

A história da cantora Elis Regina, desde sua chegada ao Rio de Janeiro, com 19 anos, até sua morte trágica e precoce. Apesar de todas as dificuldades, o sucesso vem fulminante e a vida de Elis ganha projeção nacional e internacional. Jovem de origem humilde, se torna uma das maiores artistas da música e é considerada até hoje a maior cantora do Brasil.

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , , ,

set 05

Troféu KikitoBarata Ribeiro, 716 - cena do filmeA cerimônia de premiação do Festival de Cinema de Gramado, no Rio Grande do Sul, foi realizada no sábado (3/9). Confira os ganhadores:

MELHOR FILME NACIONAL
Barata Ribeiro, 716 
MELHOR DIREÇÃO
Domingos Oliveira 
MELHOR ATOR
Paulo Tiefenthaler, por “O Roubo da Taça”
MELHOR ATRIZ
Andréia Horta, por “Elis”
MELHOR ATOR COADJUVANTE
Bruno Kott, por “El Mate”
MELHOR ATRIZ COADJUVANTE
Glauce Guima, por “Barata Ribeiro, 716”
MELHOR ROTEIRO
Lucas Silvestre Caíto Ortiz, por “O Rubo da Taça”
MELHOR FOTOGRAFIA
Ralph Strelow, por “O Roubo da Taça”
MELHOR MONTAGEM
Tiago Feliciano, por “Elis”
MELHOR TRILHA MUSICAL
Domingos Oliveira, por “Barata Ribeiro, 716”
MELHOR DIREÇÃO DE ARTE
Fábio Goldfarb, por “O Roubo da Taça”
MELHOR DESENHO DE SOM
Daniel Turini, Fernando Henna, Armando Torres Jr. Fernando Oliver, por “O Silêncio do Céu”
MELHOR FILME – FILME POPULAR
Elis, de Hugo Prata
MELHOR FILME – JÚRI DA CRÍTICA
O Silêncio do Céu, de Marco Dutra
PRÊMIO ESPECIAL DO JÚRI
O Silêncio do Céu, pelo domínio da construção narrativa e da linguagem cinematográfica.
MELHOR LONGA HISPÂNICO
Guaraní (Paraguai)
MELHOR CURTA-METRAGEM
Rosinha

Fonte: uol.com

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , , , , , , , , , , ,