out 03

O astro Jake Gyllenhaal, numa entrevista à revista americana Elle, enalteceu a sua mãe, a roteirista Naomi Foner, e sua irmã, a atriz Maggie Gyllenhaal, dizendo: “A maioria das coisas que aprendi foram com as mulheres da minha vida.” O jornalista pede para ele ser específico, e ele diz: “Minha mãe sempre dizia isso sobre a escrita – e eu levei isso em conta em muitas coisas da minha vida – o que é apenas: ‘Faça mais curto.’ Descubra o que você realmente está dizendo, a essência, então diga isso.” E o jornalista pergunta o que mais a mãe ensinou, e Jake diz: “É bom comer com as mãos, desde que você as lave primeiro.” Com a irmã, participou da Marcha das Mulheres em Washington, DC, e disse: “Que deveria haver outra. E deve ser maior. Em breve.” E sobre masculinidade: “A masculinidade é, hoje em dia, geracionalmente confusa. O que é honra, o que é proteção, o que é ser homem? Está evoluindo. Mas eu acredito que ter um coração aberto – e uma mente forte para proteger isso – é a ideia.” Além de gato, bom ator, bom filho, bom irmão, é feminista.

Fonte: Elle.com e Google (foto)

Escrito por marcia
Tags: , , ,

ago 08

A estrela australiana Nicole Kidman mais uma vez brilhou no tapete vermelho, desta vez com um belo vestido da grife Zuhair Murad, que ela usou na première de seu novo filme, “Top of the Lake: China Girl”, de Jane Campion e Ariel Kleiman, segunda-feira da semana passada (1/8), em Sydney, Austrália. A atriz parecia uma boneca de porcelana, segundo a revista Elle, que a elegeu como a mais bem vestida da semana. Realmente, Nicole sabe fazer excelentes escolhas e está muito bonita neste look – desde a maquiagem, penteado, acessórios e, claro, a fluidez do vestido.

Fonte: Elle.com

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , ,

jul 18

A revista americana Elle elegeu os tons de loiros mais bonitos do momento: o ombré hair – o nome da técnica vem do francês, que significa cabelo sombreado. Confira algumas das estrelas de Hollywood que estão com o tom loiro da moda: Kate Hudson (“raízes castanhas e cinzas desaparecem em um comprimento ensolarado e mel”), Drew Barrymore (“longas madeixas de blonde dourado saem de um marrom médio”), Diane Kruger (“fios manteiga iluminam uma base loira de gengibre”), Kate Mara (“raízes loiras de gengibre”), Margot Robbie (“desvanecimento matizado consegue ser quente, mas não brassy, legal, nem cinza”), Elizabeth Olsen (“loiro desnudo se deslizam em um desvanecimento quase imperceptível”). 

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , ,

mar 15

A bela Anne Hathaway está na capa e no recheio da revista americana Elle, edição de abril e nas bancas a partir de 21 de março. A atriz, de 34 anos, falou sobre seu marido Adam Shulman: “Ele mudou minha capacidade de estar no mundo confortavelmente. Eu acho que a narrativa agora aceita é que nós, como mulheres, não precisamos de ninguém. Mas eu preciso do meu marido. Seu amor único e específico me transformou”. E fala sobre estar estrelando “Ocean’s Eight” e trabalhar com um elenco liderado por mulheres: “Hollywood não é um lugar de igualdade. Não digo isso com raiva ou julgamento. É um fato estatístico. E mesmo que eu tenha feito alguns filmes femininos, nunca estive em um filme como este. Ele é apenas um tipo que faz você consciente das maneiras que você classifica inconscientemente mudar-se para caber certos cenários. Não é melhor ou pior, certo ou errado, mas há certas coisas que você entende um do outro por causa de experiências que você tem em comum… provavelmente é fácil para os homens tomar isso por certo. Apenas estar em um set onde eu sou aquele que possui essa facilidade é realmente algo. É uma boa narrativa alternativa”.

Fonte: JustJared

Escrito por marcia
Tags: , , , ,

fev 25

A cerimônia de premiação do prêmio francês César foi realizado na Salle Pleyel, na noite de sexta-feira (24/2), em Paris, França. Confira os ganhadores no cinema:

MELHOR FILME
Elle, de Paul Verhoeven
MELHOR ATRIZ
Isabelle Huppert, por “Elle”
MELHOR ATOR
Gaspard Ulliel, por “É Apenas o Fim do Mundo”
MELHOR ATRIZ COADJUVANTE
Déborah Lukumuena, por “Divines”
MELHOR ATOR COADJUVANTE
James Thiérrée, por “Chocolat”
MELHOR ATRIZ REVELAÇÃO
Oulaya Amamra, por “Divines”
MELHOR ATOR REVELAÇÃO
Niels Schneider, por “Dark Inclusion”
MELHOR PRIMEIRO FILME
Divines, de Uda Benyamin
MELHOR FILME ESTRANGEIRO
Eu, Daniel Blake, de Ken Loach (Reino Unido)
MELHOR DIRETOR
Xavier Dolan, por “É Apenas o Fim do Mundo”
MELHOR FILME DE ANIMAÇÃO
Minha Vida de Abobrinha, de Claude Barras
MELHOR DOCUMENTÁRIO
Thanks, Boss!, de François Rufin
MELHOR ROTEIRO ORIGINAL
Solveig Anpach Jean-Luc Gaget, por “O Efeito Aquático”
MELHOR ROTEIRO ADAPTADO
Céline Sciamma, por “Minha Vida de Abobrinha”
MELHOR FOTOGRAFIA
Pascal Marti, por “Frantz”
MELHOR FIGURINO
Anaïs Romand, por “La Danseuse”
MELHOR MÚSICA ORIGINAL
In The Forests of Siberia, de “Ibrahim Maalouf”
MELHOR MONTAGEM
Xavier Dolan, por “É Apenas o Fim do Mundo”
MELHOR SOM
Sylvain Rety, Jean-Paul Hurier Marc Engels, por “L’Odyssée”
MELHOR DIREÇÃO DE ARTE
Jérémy Duchier, por “Chocolat”
MELHOR CURTA-METRAGEM
Vers la tendresse, de Alice Diop
Maman(s), de Maïmouna Doucouré
MELHOR CURTA-METRAGEM DE ANIMAÇÃO
He Who Has Two Souls 
CÉSAR HONORÁRIO
George Clooney

Fonte: site oficial

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

jan 27

Pegue as guloseimas e relaxe com esses filmes, mas não deixe de ir ao cinema porque tem bons filmes em cartaz. Divirta-se!

 

Ação 
Herança de Sangue (Blood Father), França, 2016. Dirigido por Jean-François Richet, com Mel Gibson e Erin Moriarty. John Link vive em meio ao deserto na Califórnia onde seu trailer também serve como estúdio de tatuagem. Vivendo longe de drogas e violência, ele tem seu cotidiano afetado com a chegada de sua filha desaparecida, que está jurada de morte por traficantes.

Aventura 
A Lenda de Tarzan (The Legend of Tarzan), EUA, 2016. Dirigido por David Yates, com Alexander Skarsgard e Margot Robbie. Esta é a nova versão do lendário herói das selvas. Desta vez, na década de 1930, Tarzan, aclimatado à vida em Londres com sua esposa Jane, é chamado para retornar à selva, onde passou a maior parte de sua vida, como um emissário do Parlamento Britânico.

Comédia 
A Minha Vaca é Uma Estrela (La Vache), França, 2016. Dirigido por Mohamed Hamidi, com Fatsah Bouyahmed e Lambert Wilson. A trama é sobre Fatah, que só tem olhos para a vaca Jacqueline. Há anos que ele sonha poder levá-la a Paris para a Feira de Agricultura e, finalmente, eis que surge o convite. Entre encontros e surpresas variadas, Fatah e Jacqueline vivem uma aventura sem igual com momentos divertidos, numa viagem cativante pela França de hoje, que contagia todos com quem encontram.

Comédia Romântica 
Aluga-se Família (Une Famille à Louer), França, 2015. Dirigido por Jean-Pierre Améris, com Benoît Poelvoorde e Virginie Efira. Paul-André Delalande é um homem triste e solitário. Apesar de viver rodeado de luxo, sente que nunca concretizou o seu sonho mais importante: constituir família. Um dia, ao assistir ao noticiário, depara-se com a trágica história de Violette Mandini, uma jovem mulher que, devido à falta de dinheiro e dívidas acumuladas, está em via de perder a casa e os filhos. Paul vê uma solução que resolveria os problemas de ambos: ela deixa-o fazer parte de sua família e ele paga-lhe todas suas dívidas.

Drama 
Que Famílias! (Belles Familles), França, 2015. Dirigido por Jean-Paul Rappeneau, com Mathieu Amalric e Marine Vacth. Jérôme Varenne emigrou para Xangai, na China, há vários anos. Quando uma viagem de negócios o obriga a passar pela França, o seu país natal, aproveita a oportunidade para visitar a mãe e o irmão. Durante um almoço, percebe-se que a mansão da família, em Ambray, onde passou a maior parte da infância, está à venda. Descontente com a notícia, Decide ir até lá para entender o que se passa e despedir do local. O que ele não sabia é que esta decisão afetaria sua vida.

Policial 
Triplo 9 (Triple), EUA, 2016. Dirigido por John Hillcoat, com Casey Affleck, Kate Winslet e Aaron Paul. Um grupo de criminosos prepara um grande roubo a banco e para isso conta com a ajuda de um policial corrupto. O plano é matar um policial, forjando um código 999, que significa oficial em perigo, para desviar a atenção do assalto.

 

Suspense 
Elle, França/Bélgica/Alemanha, 2016. Dirigido por Paul Verhoeven, com Isabelle Huppert e Laurent Lafitte. Michèle é uma executiva-chefe de uma empresa de videogames, a qual administra do mesmo jeito que administra sua vida pessoal: com mão de ferro, organizando de maneira precisa e ordenada. Sua rotina é quebrada quando é atacada por um desconhecido, dentro de sua própria casa. No entanto, ela decide não deixar que isso não a abale. O problema é que o agressor não desistiu dela.

Terror 
Invocação do Mal 2 (The Conjuring 2), EUA, 2016. Dirigido por James Wan, com Vera Farmiga e Patrick Wilson. Sete anos após os eventos do filme de 2013, Lorraine e seu marido Ed Warren desembarcam em Londres, na Inglaterra, para ajudar uma família atormentada por uma manifestação poltergeist na filha. A trama é baseada em fatos reais, registrados no final da década de 1970.

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , , ,

jan 25

Na lista dos indicados ao Oscar 2017, a Academia deixou de fora a talentosa Amy Adams, que está em dois filmes lançados o ano passado: “A Chegada” e “Animais Noturnos” – o interessante é que a mesma Academia colocou o nome da atriz no seu site, como uma das indicadas, e depois teve que desculpar-se. A estrela já foi indicada cinco vezes à estatueta dourada – duas vezes na categoria melhor atriz (2005 e 2014) e três como melhor atriz coadjuvante (2008, 2010 e 2013) – e era certo, segundo os críticos especializados em Hollywood, que, não só seria indicada, como teria grandes chances de ganhar desta vez. Realmente, foi uma decepção não vê-la na lista. Os outros esnobados em suas categorias: a animação “Trolls”, o filme “Jackie”, o filme “Animais Noturnos”, a trilha sonora de “Estrelas do Tempo” e o filme francês “Elle”.

Fonte: Veja.com

Escrito por marcia
Tags: , , , , , ,

jan 24

Nicole Kidman Isabelle Huppert se encontraram hoje, terça-feira (24/1), no desfile da grife Armani Privé, em Paris, França, poucas horas depois do anúncio dos indicados ao Oscar 2017. Nicole, que cumprimentou a estrela francesa beijando sua mão, foi indicada na categoria melhor atriz coadjuvante, por sua atuação em “Lion”. Já Isabelle, foi indicada na categoria melhor atriz, por “Elle”.

Fonte: JustJared

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , ,

jan 09

A cerimônia do Globo de Ouro foi realizada no hotel Beverly Hilton, em Beverly Hills, na noite de domingo (8/1), em Los Angeles. Esta premiação é organizada pelos correspondentes estrangeiros que moram na cidade americana. Confira os ganhadores no cinema:

MELHOR FILME – DRAMA
Moonlight 
MELHOR ATRIZ – DRAMA
Isabelle Huppert, por “Elle”
MELHOR ATOR – DRAMA
Casey Affleck, por “Manchester à Beira-Mar”
MELHOR FILME – COMÉDIA OU MUSICAL
La La Land 
MELHOR ATRIZ – COMÉDIA OU MUSICAL
Emma Stone, por “La La Land”
MELHOR ATOR – COMÉDIA OU MUSICAL
Ryan Gosling, por “La La Land”
MELHOR DIRETOR
Damien Chazelle, por “La La Land”
MELHOR ATRIZ COADJUVANTE
Viola Davis, por “Fences”
MELHOR ATOR COADJUVANTE
Aaron Taylor-Johnson, por “Animais Noturnos”
MELHOR ROTEIRO
Damien Chazelle, por “La La Land”
MELHOR TRILHA SONORA
Justin Hurwitz, por “La La Land” 
MELHOR CANÇÃO ORIGINAL
City of Stars, de “La La Land”
MELHOR FILME ESTRANGEIRO
Elle (França)
MELHOR FILME DE ANIMAÇÃO
Zootopia 
PRÊMIO CECIL DeMILLE – Pela Carreira
Meryl Streep

Fonte: site oficial

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , , , , , , , , , , ,

dez 12

A cerimônia de premiação do Critics’ Choice foi realizada no Barker Hangar, na noite de domingo (11/12), em Santa Monica, Califórnia. Confira os ganhadores no cinema:

MELHOR FILME
La La Land 
MELHOR ATOR
Casey Affleck, por “Manchester By The Sea”
MELHOR ATRIZ
Natalie Portman, por “Jackie”
MELHOR ATOR COADJUVANTE
Mahershala Ali, por “Moonlight”
MELHOR ATRIZ COADJUVANTE
Viola Davis, por “Fences”
MELHOR DESEMPENHO DO ELENCO
Moonlight 
MELHOR DIRETOR
Damien Chazelle, por “La La Land”
MELHOR ROTEIRO ORIGINAL
Damien Chazelle, por “La La Land”
MELHOR ROTEIRO ADAPTADO
Eric Heisserer, por “Chegada”
MELHOR FOTOGRAFIA
Linus Sandgren, por “La La Land”
MELHOR DIREÇÃO DE ARTE
David Wasco, Sandy Reynolds-Wasco, por “La LA Land”
MELHOR EDIÇÃO
Tom Cross, por “La La Land”
MELHOR FIGURINO
Madeline Fontaine, por “Jackie”
MELHOR CABELO E MAQUIAGEM
Jackie 
MELHORES EFEITOS VISUAIS
Mogli: O Menino Lobo
MELHOR FILME DE ANIMAÇÃO
Zootopia 
MELHOR FILME DE AÇÃO
Hacksaw Ridge, de Mel Gibson
MELHOR ATOR EM FILME DE AÇÃO
Andrew Garfield, por “Hacksaw Ridge”
MELHOR ATRIZ EM FILME DE AÇÃO
Margot Robbie, por “Esquadrão Suicida”
MELHOR COMÉDIA
Deadpool, de Tim Miller 
MELHOR ATOR EM COMÉDIA
Ryan Reynolds, por “Deadpool”
MELHOR ATRIZ EM COMÉDIA
Meryl Streep, por “Florence: Quem é Essa Mulher?”
MELHOR FILME FICÇÃO/TERROR
Chegada, de Denis Villeneuve
MELHOR FILME ESTRANGEIRO
Elle, de Paul Verhoeven (França/Alemanha/Bélgica)
MELHOR CANÇÃO
City of Stars, de “La La Land”
MELHOR TRILHA
Justin Hurwitz, por “La La Land”

Fonte: JustJared

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,