jul 27

Esta comédia dramática francesa emociona, tem humor, um tema sobre amor e perdão, ótimas atuações das protagonistas, trilha sonora pertinente e um bom roteiro, mas que chega perto de um melodrama. A direção é de Martin Provost (Violette), com Catherine Deneuve, Catherine Frot, Olivier Gourmet, Quentin Dolmaire, Mylène Demongeot e Pauline Etienne.

Claire é uma parteira muito talentosa, com um jeito todo gentil e especial de trazer os bebês ao mundo. Contudo, com o passar dos anos, seu método delicado, seu senso de orgulho e responsabilidade entram em conflito com as técnicas mais orientadas para eficiência dos hospitais modernos. Um dia, recebe um inesperado telefonema da Beatrice, pessoa frívola, ex-amante de seu falecido pai. A mulher quer vê-la com urgência pois tem algo importante para lhe contar, depois de 30 anos de sumiço. Opostas em tudo, segredos serão revelados e poderão recomeçar um relacionamento em outras bases, recuperando o tempo perdido.

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , , , ,

out 05

the burning plainthe white ribbonséraphineProgramação do festival nesta segunda-feira (5/10):

“The Burning Plain”, de Guillermo Arriaga, é a história de Sylvia, uma gerente de restaurante em Portland que, apesar de sua aparência fria e frágil, passa o tempo livre transando com desconhecidos;
– “Os Gracie e o Nascimento do Vale Tudo”, de Victor Cesar Bota, em 1914, Carlos Gracie teve suas primeiras aulas de jiu-jitsu em Belém do Pará. Onze anos depois chegou ao Rio de Janeiro, onde fundou uma academia de autodefesa. Ali promoveu uma competição de lutas sem regras, que seria a primeira de muitas;
“The White Ribbon”, de Michael Haneke, ganhou a Palma de Ouro do Festival de Cannes de 2009. Às vésperas da Primeira Guerra mundial, estranhos eventos pertubam a calma de uma cidade na Alemanha;
“Séraphine”, de Martin Provost, Wilhen Uhde, em 1913, colecionador alemão de arte, aluga uma casa no interior da França para fugir da agitação de Paris. Para cuidar da casa, contrata Séraphine, mulher de 48 anos sem muita instrução;
– “O Menino e o Cavalo”, de Michel Orion Scott, a história do jornalista britânico Rupert Isaacson que se apaixonou pela americana Kristin Neff, professora de psicologia, quando viajava pela Índia. Sete anos depois, em 2001, nasceu seu filho Rowan. O mundo parecia perfeito até o menino ser diagnosticado com autismo.

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , , , , ,

fev 28

cesarseraphineSeraphine“, de Martin Provost, é o grande vencedor do César, o Oscar do cinema francês. Ele foi premiado em 7 categorias e, o favorito, “Mesrine”, com dez indicações, levou apenas três prêmios. “Seraphine” narra a estraordinária vida da francesa Seraphine de Senlis, uma mulher nascida em 1864 que foi pastora e dona de casa antes de se transformar em pintora e submergir-se na loucura. O longa ganhou também os prêmios de melhor atriz para Yolanda Moreau, assim como de melhor roteiro original, fotografia, trilha sonora, figurino e cenário.

Fonte: globo.com

Escrito por marcia
Tags: , , , , ,

fev 27

dustin-hoffimanO César, considerado o Oscar do cinema francês, será entregue nesta sexta-feira no teatro Châtelet, em Paris, quando o ator americano Dustin Hoffman receberá um prêmio pelo conjunto de sua carreira. O filme “Mesrine”, de Jean-François Richet, com dez indicações, lidera a lista dos favoritos, seguido de “Um Conto de Natal”, de Arnaud Desplechin, e “Seraphine”, de Martin Provost.

Fonte: folha on line

Escrito por marcia
Tags: , , , , , , ,